Tudo o que é a Arquitectura

| Setembro 15, 2010 | 0 Comentários

No contexto da 12ª edição da Bienal Internacional de Veneza (que decorre desde Agosto, e que se prolongará até ao próximo mês de Novembro) destaca-se este ano a secção de Arquitectura, que pela primeira vez é dirigida por uma mulher, a prestigiada arquitecta japonesa Kazuyo Sejima, a quem já foi concedido o prestigiado Prémio Pritzker 2010 juntamente com Ryue Nishizawa. Entre os muitos acontecimentos programados para esta edição destacam-se os chamados “Sábados da Arquitectura”, um fórum onde algumas das personalidades mais destacadas do mundo nesta disciplina colocam sobre a mesa opiniões e teorias que partilham com a audiência.

O próximo dia 25 de Setembro, será celebrado nos Giardini de Esedra, com a participação do arquitecto austríaco Hans Hollein (Viena, 1934), uma das figuras mais destacadas da chamada “arquitectura postmoderna”. Professor emérito da Universidade de Artes Aplicadas de Viena desde 2002 e Prémio Pritzker de Arquitectura em 1985, Hollein versará na sua intervenção o tema “X – Tudo é ArquiteXtura” (em inglês X – Everything is ArchiteXture – from seXtreme – to eXhibition – to eXit). A sua conferência, baseada numa tese considerada “a mais selvagem” da década dos anos sessenta do século XX, que o autor – então fascinado com o potencial artístico dos novos meios electrónicos – estruturou como um chamamento para a dissolução da arquitectura e já então efectuou uma fusão da arquitectura conceptual com a ciberarte, que levantou uma grande expectativa.

(Fotografia inferior, Hans Hollein. Acima, um dos edifícios do arquitecto austríaco).

Tags: , , , ,

Categoria: Arquitectura

Deixar uma resposta