Trabalhar menos: a solução dos problemas do planeta?

Não, não se trata de um sonho. Um grupo de pensadores de origem inglesa argumenta que uma semana de 21 horas laborais pode ser a solução para muitos dos problemas ambientais e sociais do planeta.
Trata-se da Fundação para uma Nova Economia (NEF, na sigla em inglês), que publicou um relatório denominado “21 horas – Por que uma semana laboral mais curta pode ajudar todos a prosperar no século XXI”. Segundo esta visão, a redução das horas de trabalho pode distribuir melhor a renda e proporcionar maior bem-estar à população.
“Muitos de nós estamos a consumir muito acima das nossas possibilidades económicas (leia-se “endividando-se”) e muito além dos limites do meio ambiente, e mesmo assim, não conseguimos nos sentir melhor. Enquanto isso, outros sofrem com a pobreza e a fome”, afirma o relatório da NEF.
“Avançar na direcção de uma semana laboral muito mais curta poderia ajudar-nos a romper com o hábito de viver para trabalhar, trabalhar para ganhar e ganhar para consumir. […] Uma semana de 21 horas poderia ajudar a distribuir o trabalho pago de forma mais equitativa entre a população”.
A premissa é simples: as pessoas que trabalham demais, com uma semana laboral mais curta, poderiam reduzir o stress e melhorar sua qualidade de vida, ganhando tempo para viver de forma mais sustentável, praticando o consumo responsável e concentrando-se em outros valores que não os materiais.
Por sua vez, as horas economizadas poderiam ser assumidas por pessoas hoje desempregadas, repartindo a riqueza de forma mais equilibrada.
O relatório indica também que a redução da jornada laboral poderia engendrar uma economia mais robusta, que não se baseie no crédito, mas reconhece que o processo deve ser gradual.
O documento do NEF pretende promover a discussão para viabilizar esta nova visão entre a sociedade. Trata-se de uma ideia simples, mas realmente interessante. Apesar de a implementação maciça ser um tanto complicada, como seria deixar de “viver para trabalhar, trabalhar para ganhar e ganhar para consumir” e começar a trabalhar para viver? É um ponto para reflexão dentro da esfera de acção individual. Qual é a sua opinião?
Relatório completo: 21 hours

Deixe o seu comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Os cookies ajudam-nos a fornecer os nossos serviços. Ao utilizar os nossos serviços, concorda com a utilização de cookies. Saber mais

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close