Sabia que as queimaduras na neve são mais perigosas que as da praia?

neveParece algo absurdo, pois relacionamos as lesões na pele com a praia e o calor. No entanto as queimaduras na pele tanto podem acontecer quando faz frio, como quando estamos na montanha rodeados de neve.

As queimaduras solares acontecem porque os raios ultravioletas estão presentes tanto no verão como no inverno.

No entanto, acontece que as queimaduras produzidas na neve podem ser mais graves do que as que acontecem na praia porque em locais mais altos a protecção da atmosfera é menor. Os especialistas estimam que por cada 1.000 metros de altura, os efeitos provocados pela radiação solar aumentam em 15%.

Além disso, a neve potencia o efeito dos raios solares. Quando incidem sobre a superfície branca da neve, 80% dos raios solares são reflectidos novamente contra a nossa pele. Por isso, os dermatologistas recomendam a utilização de cremes protectores.

Os raios solares constituem 95% da radiação que chega à superfície da Terra. Se a nossa pele estiver exposta, os raios penetram no nosso organismo. Existem dois tipos, os UVA e os UVB.

Estes últimos são os que provocam a maioria das queimaduras após uma exposição intensa. A longo prazo produzem o envelhecimento prematuro da pele, e danificam o ADN das células da pele, além de contribuírem para o desenvolvimento do cancro da pele. Ainda acha que não vale a pena proteger-se dos raios solares?

Não nos esqueçamos também da protecção dos olhos. Os raios ultravioletas podem produzir queimaduras na córnea, na retina e no cristalino. O melhor será usar óculos de sol com um filtro adequado. Especialmente se for esquiar neste inverno.

Deixe o seu comentário