Querer é poder

A impressionante plasticidade do cérebro abre infinitas possibilidades para a transformação humana. Cada pessoa pode, se quiser, transformar a si mesma e a realidade a sua volta. Essa capacidade procede tanto da tradição oral (querer é poder), quanto dos ensinamentos budistas.

Recentes pesquisas científicas confirmam a autenticidade dessa capacidade humana: somos livres para decidir que tipo de pessoa desejamos ser. A pedra filosofal para a transformação é uma mistura de vontade, intenção e da incrível plasticidade neural do cérebro. Assim como o treinamento físico fortalece os músculos, o treinamento mental modifica os circuitos do cérebro para a direcção que desejamos.

A meditação ajuda nesse processo e permite cultivar novas qualidades que, pouco a pouco, se vão incorporando de forma natural a vida quotidiana. Quando o mundo interior está em paz e harmonia, o mundo exterior se contagia desses mesmos sentimentos.

Deixe o seu comentário