Que energia utilizamos? (I)

Através deste artigo pretendemos expor uma visão da situação energética actual no mundo e ver qual o papel das energias renováveis. O mundo que conhecemos hoje em dia baseia-se no consumo de energia. Seja para poder produzir electricidade e aquecer os lares ou simplesmente para mover os carros e ir trabalhar. Precisamos de energia, mas que energia podemos utilizar? de onde esta vem? qual usamos mais?

As fontes de energia podem ser classificadas em dois grupos: não renováveis e renováveis. As primeiras são aquelas energias cujos recursos são limitados e não são imediatamente renovados. O petróleo por exemplo forma-se num processo que dura milhões de anos através de restos orgânicos como algas marinhas e animais. Não é possível “fabricar” petróleo num curto período de tempo. Por outro lado, as fontes de energia renováveis têm a capacidade de renovar-se rapidamente e de forma natural (energia solar, eólica, etc.)

As principais fontes de energia não renováveis que se utilizam hoje em dia são:

Petróleo: o petróleo forma-se a partir dos restos de animais e plantas que viveram há milhões de anos. Durante todos esses anos, os restos de animais e plantas foram cobertos por camadas de areia e limo (barro mole que forma depósitos). O calor e a pressão destas camadas ajudaram a transformá-lo no que actualmente chamamos de petróleo cru. A palavra “petróleo” significa “azeite de pedra” ou “azeite da terra”. Depois de se extrair o petróleo da terra e de o refinar obtêm-se diferentes produtos, como a gasolina, o diesel, ou o combustível para aquecimento usado em muitas casas americanas.

Gás Natural: o principal elemento do gás natural é o metano. Um composto integrado por um átomo de carbono e quatro átomos de hidrogénio. Há milhões de aos, os restos de plantas e animais em descomposição formaram uma serie de camadas. Esta matéria denomina-se de matéria orgânica (que outrora esteve viva). Com o tempo, areia e lama transformam-se em rocha cobrindo esta matéria orgânica. a pressão e o calor encarregaram-se de transformar alguns destes materiais em carvão, algum petróleo, e outros em gás natural (pequenas bolsas de gás sem cheiro).

Carvão: o carvão é uma rocha sedimentária combustível de cor negra ou marrom negra, composta principalmente por carbono e hidrocarbonatos. É o combustível fóssil mais abundante produzido nos Estados Unidos.

Energia nuclear: a energia nuclear é a energia no núcleo de um átomo. Os átomos são partículas diminutas que compõem todos os objectos no universo. Há uma enorme energia nas ligações que mantêm unidos os átomos. A energia nuclear pode ser utilizada para produzir electricidade, mas primeiro a energia deve ser libertada. Isto é conseguido de duas maneiras: a fusão nuclear e fissão nuclear. Na fissão nuclear, os átomos separam-se para formar átomos mais pequenos, libertando energia. Na fusão nuclear, a energia liberta-se quando os átomos se combinam ou fundem para formar um átomo maior. Assim é como o sol produz energia.

Desta forma concluímos este primeiro artigo. No próximo artigo iremos falar detalhadamente das fontes de energia renováveis mais utilizadas hoje em dia, a distribuição do mapa energético mundial e o futuro que temos pela frente.

Sem comentários

Deixe o seu comentário