Impulso solar para voar

Bertrand Piccard, um aventureiro com pouco mais de 50 anos e neto do inventor do batiscafo, Jacques Piccard, será o piloto do primeiro avião impulsionado por energia solar que irá tentar dar a volta ao mundo.

O avião Solar Impulse da Agência Espacial Europeia, superou com êxito na passada quarta-feira, sete de Abril o primeiro voo experimental na base militar de Payerne na Suíça. Após percorrer apenas uns 100 metros, o Solar Impulse elevou-se lentamente e desapareceu no céu azul. Este teste marcou o inicio dos ensaios que conduzirão à tentativa de dar a volta ao mundo dentro de três anos.

Como única fonte de energia, o aparelho utiliza 12000 células fotovoltaicas que cobrem as suas asas e alimentam os motores eléctricos, além de permitir recarregar as suas baterias de lítio, com 400 kgs de peso. A envergadura das asas alcança 63,4 metros – como um Airbus A340 – e o peso de 1,6 toneladas – como um carro. Este primeiro voo segue-se a um pequeno voo de uns meros 400 metros a muito baixa altitude realizado em Dezembro de 2009.

Este pequeno voo é apenas o inicio de uma grande aventura, que tornará possível que em poucos anos, possamos voar graças a energia solar a um custo económico similar mas com um custo muito menor para o meio ambiente.

Desta Janela Aberta desejamos toda a sorte do mundo ao Solar Impulse e ao seu piloto aventureiro, Bertrand Piccard.

Deixe o seu comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Os cookies ajudam-nos a fornecer os nossos serviços. Ao utilizar os nossos serviços, concorda com a utilização de cookies. Saber mais

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close