Fenómenos naturais e menos naturais em time-lapse

Natural phenomena time-lapse é um vídeo de Reid Gower (Videosapien) onde defende que a actividade a as obras do ser humano são uma parte da natureza.

[vimeo http://vimeo.com/51430433]

Quando vi este vídeo pela primeira vez, pareceu-me que o autor errara no titulo ‘Natural phenomena time-lapse‘, uma vez que boa parte do filme é dedicado à obra e actividade do ser humano, aceitando o conceito generalizado de ‘fenómeno natural’ como “uma mudança da natureza que acontece por si só“, ou seja à margem da acção do homem e da mulher.No entanto, é precisamente essa noção que o autor quer questionar, Reid Gower(Videosapien), autor também das montagens populares  sobre Carl Sagan, tal e como se defende no texto que acompanha o vídeo:

“Os seres humanos são parte da ordem natural. Somos macacos avançados que adquiriram idiomas e aprenderam a usar ferramentas. Os arranha-céus e as naves espaciais podem parecer pouco naturais, mas são uma parte tão importante na ordem natural como os diques dos castores e os ninhos das aves. As monótonas linhas eléctricas são indícios da solução energética de uma espécie de mamíferos. Abre os olhos ao mundo que construíste e a que habituaste, e alegra-te da tua participação no projecto da humanidade”.

Um interessante ponto de vista que procura dinamitar a fronteira entre o ser humano –a sua obra– e a natureza, mas que pode acabar por justificar qualquer atrocidade sobre o meio ambiente como manifestação de “um facto natural” (se o homem a as suas criações são parte da natureza, nada do que fizer pode ir contra ela). Uma espécie de neoantropocentrismo que esquece que a natureza se rege pelas seus próprios critérios e que os da humanidade não só nem sempre coincidem com estes, como ainda em muitas ocasiões atentam directamente contra a sua integridade (e a nossa).

Contudo, à margem destas dissertações, o vídeo é uma autêntica maravilha que não deve perder. Fenómenos naturais… e menos naturais, em todo o seu esplendor.

Deixe o seu comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Os cookies ajudam-nos a fornecer os nossos serviços. Ao utilizar os nossos serviços, concorda com a utilização de cookies. Saber mais

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close